quarta-feira, 12 de julho de 2017

A OVELHA PERDIDA !

Texto básico: (Lucas 15. 3-7)
 (João 3. 16) Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu o seu Filho unigênito, para que todo  o nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Este é o imensurável, grandessíssimo  presente que Deus nos deu . Realmente o cristão que pela graça de Deus foi escolhido, eleito para participar da mais linda, emocionante, história de amor, que precedeu a própria história, o tempo, e a criação do mundo, é uma pessoa diferenciada, especial, iluminada que, somente pode entender a grandeza dessa divina  revelação, aqueles para a qual ela foi destinada.
Jesus veio ao nosso encontro de forma tão simples, porém maravilhosa  assumindo a figura de um humilde e simples pastor que ama e cuida das Suas ovelhas. E para isso, Ele contou a parábola da ovelha perdida. (Lucas 15. 3-7). Qual, dentre vós, é o homem que, possuindo cem ovelhas e perdendo um delas, não deixa no deserto as noventa e nove e vai em busca da que se perdeu, até encontrá-la? Achando-a, põe-na  sobre os ombros, cheio de júbilo. E, indo para sua casa, reúne os amigos e vizinhos, dizendo-lhe: Alegrai-vos comigo, porque já achei a minha ovelha perdida.Digo-vos que, assim, haverá maior júbilo no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento.
Você já parou para pensar nisso? Que por causa de mim e de você, o Céu um dia fez festa, que os anjos entoaram louvores se alegraram, porque um dia fomos buscados procurados e achados, trazidos pelo bom pastor ao aconchego do Seu redil. Se nós perguntássemos para os crentes, qual foi a sua experiência de salvação? Muitas seriam as respostas, mas uma só seria a verdadeira. Eu fui buscado, achado e trazido por Jesus. O mérito não foi nosso, a escolha não foi nossa, e nem estamos aqui porque nós decidimos, mas porque Deus decidiu. Disse Jesus:"Não fostes vós que me escolhestes a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros e vos designei para que vades e deis frutos"(João 15.16) 
A nossa escolha foi um propósito de Deus, uma decisão misericordiosa tomada antes mesmo da fundação do mundo.(Efésios 1.4) Nós muitas vezes esquecemos de quem somos, do privilégio tremendo em que estamos vivendo neste mundo hoje, a fantástica experiência humana da concessão da graça de Deus. Somos forasteiros em terra estranha, aqui não é nosso lugar, fomos misericordiosamente escolhidos, chamados, buscados, adotados como filhos de Deus, através de Cristo Jesus para sermos, profetas, mensageiros, pregadores, luz do mundo e sal da terra, para que o mundo veja em nós o resplender do amor do nosso tão grande Deus, que transforma vidas mortas, inúteis para glória do Seu reino.
Há...se você ainda não descobriu quem é? O que está fazendo aqui? E para onde vai? Comece Orar, buscar, insistir, bater porque Jesus disse: Por isso, vos digo: Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e a quem bate, abrir-se-lhe-á.(Lucas 11. 9).

Por isso, a  nossa alma anseia o final do nosso exílio aqui, para voltarmos a nossa casa paterna. Esse deve ser o sentimento de todo aquele que vive pela esperança da vida eterna.  Aqui neste mundo, viemos por uma sagrada missão, de sermos filhos do Deus Eterno para vivermos em testemunho do Seu grande amor manifestado em Cristo Jesus. Muito embora, estejamos passando temporariamente pelo vale sofrível, tenebroso deste mundo, o certo é que estamos caminhando para a glória, para o descanso eterno, para as delicias das moradas do altíssimo, e isso não tem nada que se possa comparar. O apostolo Paulo disse:"Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam"(I Coríntios 2. 9). E o interessante dessa história toda, foi que Deus providenciou tudo, antes mesmo da fundação do mundo. E que nós possamos reconhecer todas essas bênçãos que cerca nossa vida e glorificar o Nome Santo de nosso Deus.
 
Que Deus te abençoe, em Nome de Jesus!
Enéas Cândido de Lara

0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger