segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

A NOSSA ETERNA GRATIDÃO AO SENHOR!!!




Que possamos fazer desta poética oração deste lindo hino, a nossa expressão de gratidão a Deus, por tão grandes bençãos recebidas no Ano que se finda, e ao mesmo tempo, já agradecendo a Deus por tantas outras que Ele já preparou para o Ano Novo que vamos receber. Se você crê nisso; então diga: "Glorificado seja SENHOR, o teu Santo Nome para todo o sempre. Aleluia!!!!!!!

Graças dou por está vida,
 Pelo bem que revelou,
 Graças dou pelo futuro
 E por tudo que passou.
 Pelas bênçãos derramadas,
 Pelo amor pela aflição,
Pelas graças reveladas,
Graças dou pelo perdão.

Graças dou pelo azul celeste
 E por nuvens que há também,
Pelas rosas do caminho
E os espinhos que elas tem.
Pelas noites desta vida,
Pela estrela que brilhou,
 Pela prece respondida
E a esperança que falhou.

Pela cruz e o sofrimento,
E, afinal, ressurreição,
 Pelo amor, que é sem medida,
Pela paz no coração;
Pela lágrima vertida
E o consolo que é sem par,
 Pelo dom da eterna vida,
 Sempre graças hei de dar.
 (A.L.Atorn---A.O.Denyszezuk

domingo, 30 de dezembro de 2012

ANO NOVO,.........Vitórias e desafios!!!!

Texto básico: Deuteronômio 1. 26/30.
Quando o povo de Deus chegou na proximidade do rio Jordão, depois de 40 anos de peregrinação naquele inóspito deserto, Deus mandou que eles parassem ali. Daquele lugar eles podiam avistar do outro lado do rio, a sua tão sonhada promessa, a terra que Deus disse; que “Manava leite e mel”. Era só atravessar o Jordão e tomar posse da benção.
 Mas, o que eles não sabiam é que a terra prometida estava ocupada e, eles tinham que enfrentar uma grande e terrível batalha, a terra estava ocupada pelos Amalequitas, e filhos dos guerreiros gigantes Enaquins. Os espias quando viram esses gigantes ficaram apavorados e se sentiram como se fossem “gafanhotos”. A cidade era fortificada por muros impenetráveis, não era preciso nenhum estrategista militar para se chegar a conclusão que a invasão seria uma luta inglória. (Se não fosse um grande detalhe!)
 O comandante do exercito era o Deus invencível nas batalhas, o Senhor dos Senhores, o qual eles tão depressa tornaram esquecidiços, menosprezaram a sua mão que tão poderosamente tiraram eles do Egito, com poder sobrenatural. Eles agora olham para aquele problema sobe a ótica de suas impossibilidades humanas, e no versículo ( 27) diz; que eles começaram a murmurar e revoltar-se contra Deus. O (Salmo 78. 8) comentando a postura deste povo, disse: “E que não fossem, como seus pais, geração obstinada e rebelde, geração de coração inconstante, e cujo espírito não foi fiel a Deus”.

 Deus é extremamente misericordioso e longânimo, apesar da falta de fé, e de coração impenitente do seu povo. Deus continuou a falar com seu povo, e no versículo (29) disse:”Não espanteis, nem os temais, O Senhor vosso Deus, é que vai adiante de vós, ele pelejará por vós”. O que Deus estava dizendo era: "A luta, a guerra, a batalha não é de vocês mas é minha, ou seja; vocês serão coadjuvantes dessa minha vitória". O que o povo de Deus precisava era confiar no seu Deus ser totalmente dependente da sua misericórdia. Ter fé e depositar em Deus a sua esperança era tudo o que o povo precisava para conseguir a vitória.
 Sabe porque estou falando tudo isso? É porque na nossa frente tem o ano de (2013) que começaremos a viver em breve, (1João 5. 19) diz: “O mundo inteiro jaz no maligno, é dominado pelo maligno, e nós sofremos os influxos circunstanciais desta vida em que vivemos neste mundo conturbado, e cheio de injustiças, de corrupção, de sobressaltos e por certo fará com que nós o enfrentemos no decorrer deste ano que se inicia certas dificuldades naturais do meio em que vivemos. Não é por que somos filhos de Deus que estamos isentos de sofrimentos, enfermidades, lutas, dores: (João 16. 33) Disse Jesus: “No mundo passais por aflições”. Deus não impede que a aflição chegue a nós mas, ele é misericordioso para nos dar libertação no meio do sofrimento.

Que nenhum de nós tomemos a posição que tomaram o povo de Israel, desanimando, revoltando-se contra Deus. Porque como Deus disse a Israel no passado, e continua a dizer hoje: "Eu vou adiante de vós, a guerra não é de vocês é minha. Deus queria que o povo de Israel tivesse fé, e aprendesse a descansar nas suas promessas, ainda que para isso tivessem de passar por provações e lutas, Deus nunca jamais os deixariam desamparados. O Senhor Jesus na Grande Comissão após sua ressurreição ele disse aos seus discípulos : (Mateus 28. 20) “E eis que estou convosco todos os dias até a consumação do mundo”. Se neste ano que vai se iniciar meu irmão, você deparar com montanhas intransponíveis, lutas fatigantes, ou mesmo que estes obstáculos não sejam teus, mas, do teu irmão; então chore com ele, partilhe do seu sofrimento, “pegue a ponta da sua cruz e coloque em seus ombros ajudando-o a carregar”, apresente-o junto ao trono da graça do Pai em orações a seu favor. (Romanos 12. 15) diz: “Alegrai-vos com os que se alegram, e chorai com os que choram. (Gálatas 6. 2) diz: “ Levai as cargas uns dos outros e, assim, cumprireis a lei de Cristo”.
 Assim, como o povo de Deus estava diante da sua tão sonhada terra prometida, e eis que surge um grande e terrível problema, tinham que lutar com gigantes, tinham que vencer muralhas intransponíveis, tinham que conquistar o que parecia inconquistável, mas eles não perceberam que só precisam de uma coisa: .  Sabe, nós com certeza neste ano de (2013) também vamos ter que enfrentar problemas, lutas, dificuldades, Jesus disse:No mundo passais por aflições, mas tenha bom ânimo eu venci o mundo”(João 16. 33) o mesmo Deus que deu vitória à Israel no passado, está conosco hoje.

E o apostolo Paulo injetando a nós coragem, forças ele escreveu a (Tessalonicenses 5. 16)Regozijai-vos sempre”; mesmo a despeito das adversidades, isto é: encha o teu coração de gozo porque já és mais do que vencedor em Cristo Jesus nosso Senhor e Salvador. Amém!

UM FELIZ ANO NOVO VITORIOSO PRA VOCÊ, COM CRISTO JESUS O AUTOR DA NOSSA SALVAÇÃO.!!!!!!!!!!
Eneas Candido Lara

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

A GOSTOSA CALMARIA QUE NOS INDUZ A REFLEXÃO!!!

Volta, minha alma, ao teu sossego, pois o Senhor tem sido generoso para contigo”( Salmo 116. 7).
 Ao intenso crepitar de fogos de artifícios na passagem do Ano Novo, onde abraços, felicitações, promessas fazem parte dos nossos votos dirigidos aos nossos amados irmãos, amigos, companheiros, familiares, mas é na doce calmaria da madrugada no aconchego do nosso leito que temos o precioso momento de uma reflexão, agradecendo ao Senhor por todas as bênçãos recebidas, sobretudo da gostosa paz que vem do amor do Pai.
É triste ver pessoas cheias de ansiedade, por problemas e dificuldades que não puderam deixar no ano velho, mas adentram ao Novo Ano, arrastando este atrelado peso de dores, ressentimentos, mágoas, tristezas que os fazem infelizes. O Salmista Davi nos dá um precioso e infalível conselho: “Entrega o teu caminho ao SENHOR, confia nele, e o mais ele fará”. (Salmo 37. 5) Se o teu problema é maior que as tuas forças, não tente resolvê-lo sozinho, não conseguirá! Ouça o que diz o texto; entrega o teu caminho(ou seja: tuas lutas, impossibilidades) todos eles ao Senhor, e se disponha a ser diferente no Ano de 2013 que breve se iniciará, e você verá que felicidade não é tão difícil de conquistar, é só preciso aprender com Jesus um infalível segredinho Humildade e dependência dEle” .

 Abra mão do orgulho que te faz infeliz por não querer perdoar teu irmão, aprenda pedir perdão, estenda a tua mão ao necessitado, socorra o oprimido, reparta o teu pão com o faminto, vista ao que está nu, chore com quem está chorando, ofereça o seu ombro pra repartir o peso da cruz que teu irmão está carregando. Aprenda buscar poder que vem da disposição do querer começar um novo tempo meditando e apaixonando pelas palavras de vida eterna na leitura da Bíblia Sagrada. Deus o Pai está de ouvidos abertos para nossas súplicas, o qual disse: “Invoca-me e te responderei; anunciar-te- ei cousas grandes e ocultas, que não sabes(Jeremias 33. 3)

 Bem, você pode até questionar, eu sou um ser humano em construção, Deus ainda não terminou comigo. Não use de um pretexto para justificar a sua acomodação, comece o Ano Novo sendo nova criatura em atos de justiça e amor, refletindo a irresistível luz que se faz habitar em ti, que é Cristo Jesus o Senhor. Ele disse:Eu Sou a luz do mundo”.
 Que este Ano Novo que breve chegará, possamos ser diferentes, melhores do que fomos no Ano que se finda, que possamos amar mais, se doar mais, compartilhar mais, sorrir mais, abraçar mais, sentir-se diferente como o apostolo Paulo: Já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim”(Gálatas 2. 20).
Um feliz Ano Novo pra você meu irmão, irmã e amigos e, um fraternal e grande abraço em nome de Jesus!!!!!!!!!!
 Enéas Candido Lara

domingo, 23 de dezembro de 2012

MINHA GRATIDÃO !

 NATAL!.....dia de festas, dia de manifestarmos alegria pelo maior e mais precioso de todos os presentes que ganhamos do Pai; a sobrenatural, graciosa e divina encarnação de Cristo Jesus o nosso tão amado Salvador. Mas, também é dia de agradecermos a todos os amigos e amigas, irmãos e irmãs que durante ano de 2012 passaram por aqui; http://eneaslara.blogspot.com  assídua ou esporadicamente leram minhas postagens e assim, incentivaram-me a continuar o meu trabalho. Portanto, prostro-me diante do trono da graça do Pai em oração, pedindo que as ricas bênçãos dos céus recaiam sobre a vida de todos vocês, meus amados, e que em 2013 nós possamos estarmos juntos novamente, isso me fará muito feliz .

 UM FELIZ NATAL! E PROSPERO ANO NOVO COM CRISTO JESUS, O NOSSO MAIOR PRESENTE, RAZÃO DA NOSSA ETERNA ALEGRIA!!!

Um fraternal e forte abraço!!!!!!!!
Enéas Candido Lara

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

HUMILHAI-VOS NA PRESENÇA DO SENHOR, E ELE VOS EXALTARÁ!!!

"Enganoso é o coração, mais do que todas as cousas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá"? (Jeremias 17. 9).

Em um acampamento de jovens foi dado como tema para estudo e uma redação a ser feita sobre o versículo acima. Como não chegaram a um consenso sobre o que significa a palavra (enganoso) resolveram pedir ajuda para um velho crente que providencialmente passava por ali.. Então, respondeu ele de uma forma bem simples, mas verdadeira: "Um coração enganoso é aquele que sempre arruma uma desculpa pra tudo".
 Quando nós lembramos da tragédia do Éden quando Adão pecou e, sendo indagado por Deus, ele de imediato arrumou uma desculpa saindo pela tangente disse: “Foi a mulher que me deste por companheira, ela me deu e eu comi”. (Gênesis 3. 12) foi uma forma indireta de culpar a Deus por seu pecado. A partir daí, quando se pede explicações acerca de um erro cometido de alguém, sempre lá vem uma boa desculpa. Como é dificílimo admitir um erro.  É mais fácil culparmos a Deus pelos problemas que nos afligem como: a miséria, fome, guerras, terremotos, violência, sofrimentos.......... etc.  A natureza corrompida do ser humano é má desde da sua infância”. (Gênesis 8. 21).

 Não há nada neste mundo que possa mudar a natureza humana. O coração do homem está maculado pela nódoa do pecado, e de seu coração só procede o que é mal. E foi por isso que o Senhor Jesus disse: “O que é nascido da carne é carne” mas o que é nascido do Espírito é Espírito. Não te maravilhes de ter dito: É necessário vos nascer de novo”. (João 3. 6-7)  É imprescindível que passemos por este processo de transformação, porque sem ele pesa sobre nós a enfática afirmação de Jesus: “Em verdade, em verdade vos digo: Quem não nascer da água e do Espírito não pode entrar no reino de Deus”(João 3. 5).

Quando estivermos diante do Supremo Juiz naquele dia, não haverá nenhuma possibilidade de arrumarmos desculpas porque; Ele conhece as profundezas de nosso coração. “esquadrinha o Senhor todos os corações, e conhece todos os nossos pensamentos; se o buscares será achado de ti; porém se o deixares, rejeitar-te- á para sempre” (Crônicas 28. 9). Diante desse tão grande Deus só uma postura será aceita, o reconhecimento da nossa nulidade por uma sincera e profunda humilhação na dependência da Sua misericórdia. 
Foi o que aconteceu com o fariseu e o publicano que foram no templo orar. O publicano orgulhoso de seus feitos dizia: “Graças te dou porque não sou como os demais homens, roubadores, injustos, e adúlteros, nem ainda como este publicano; jejuo duas vezes por semana e dou o dizimo de tudo quanto ganho”. O publicano, estando em pé, longe, não ousava nem, ainda levantar os olhos ao céu, mas batia no peito, dizendo: Ó Deus tem misericórdia de mim pecador!Digo-vos que este desceu justificado para a sua casa, e não aquele; porque todo o que se exalta será humilhado; mas o que se humilha será exaltado”.(Lucas 18. 9-14).

Que Deus vos abençoe amigo e irmão em nome de Jesus!!!!!!!!
Enéas Candido Lara

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

O DEUS QUE SE DEIXA CONHECER!!!

Os céus proclamam a gloria de Deus, e o firmamento anunciam as obras de suas mãos”( Salmo 19. 1)  Deus é o Criador de todas as coisas, mesmo porque o seu poder e amor estão implícito nas maravilhas de suas criações. Assim também como o homem tem deixado para sua posteridade as suas grandes descobertas científicas, tecnológicas e tantas outras, escrevendo livros, o Deus como Criador de todas as coisas também deixou a gloria de suas Criações que nós vamos chamá-las de dois grandesLivros”.

 Primeiro: A Criação do mundo
 Segundo: A Bíblia sagrada.
A inteligência humana na pessoa de seus pesquisadores, cientistas astrônomos as vezes ficam embaraçados, perplexos diante da perfeição do Universo, e do poder Criador e organizador que se verifica na origem do mundo. Somente estes mistérios são compreendidos   através da fé. Diante de tão grande complexidade e, da exatidão acrescida das belezas naturais, o crente discerne a grandeza e a perfeita sabedoria do Criador dos Céus e da terra nas maravilhas de suas obras. A beleza da natureza transmite a bondade e a misericórdia de Deus, quando por exemplo; os Céus abrem as suas comportas trazendo a benção das chuvas nas estações próprias, fazendo a fertilização do solo em abundantes colheitas para alimentação do povo.
 Porque são muitos os homens que se recusam crer em Deus? Pela simples razão que se o fizerem, isso implicará forçosamente em se submeterem a Ele, pois como Criador de todas as coisas, tem Ele o direito sobre todas as obras de suas mãos. Contudo, o homem natural é dominado pelo orgulho do pecado, que o faz cego impedindo-o de que o veja com seus olhos o grande Deus de amor que se faz conhecer através das obras de suas mãos. Graças a Deus, que o povo de Deus jamais se deixará influenciar pelos argumentos insanos do mundo caracterizados pela falta de respeito aos direitos do Criador, porque a loucura dessa insubordinação levará o homem a destruição e a ruína em todas as áreas de sua vida.
 A palavra de Deus, a Bíblia Sagrada, nela Deus nos revela Seus segredos, e se deixa conhecer aos homens que o honram, e que o servem com temor e tremor.
O mistério mais grandioso, imensurável é quando por nos amar com um amor até incompreensível se fez carne, nascendo em Belém da Judéia em uma humilhante e desconfortável estrebaria. Aqui, sujeitando as limitações naturais da nossa existência viveu entre nós, passou fome, sede, tristeza, foi abandonado, desprezado, perseguido, chorou o nosso choro, morreu a nossa morte, mas ao terceiro dia RESSUSCITOU EM GLORIA, vencendo os grilhões da morte para nos garantir a vida e a vitória da nossa tão grande salvação.
Que antiga e tão grande  história de amor é a nossa!.....Pois fomos escolhidos por Deus antes da fundação do mundo como está escrito em (Efésios 1. 4)Assim como nos escolheu, nele, antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis perante ele; e em amor nos PREDESTINOU para ele, para a adoção de Filhos, por meio de Jesus Cristo, segundo o beneplácito de sua vontade”.
Se por acaso você ainda não crê nesse tão grande Deus de amor, que se revela tão enfaticamente através da visível natureza, eu te peço olhe para a beleza e o mistério de um Céu estrelado, para a beleza das flores, do mar, florestas, animais enfim para toda a criação que nos fascina e encanta. E se não puder ver Deus em tudo isso, então ore e peça que Ele abras os seus olhos para que veja, e te conceda a maior de todas as conquistas que um ser humano poderá ganhar nesta vida, a salvação de sua alma.
 Que o Deus de toda graça e misericórdia te abençoe, em nome de Jesus Amém!!!!
 Enéas Candido Lara

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

 O NATAL DE JESUS!!!

Texto de Isaias 9. 2- 6) “O povo que andava em trevas viu grande luz, e aos que viviam na região da sombra da morte, resplandeceu-lhes a luz”. (V. 6) "Porque um menino nos nasceu, um Filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso, Conselheiro, Deus forte, Pai da eternidade, Príncipe da paz”. E ele termina o (V. 7) dizendo;O ZELO DO SENHOR FARÀ ISSO”.

740 anos mais tarde, numa noite sobrenatural onde Deus fazia cumprir a sua promessa, trazendo do céu  a milícia celestial, ou seja; o seu coral angelical para fazer a primeira cantata natalina para recepcionar a chegada do menino Deus ao mundo.(Lucas 2. 13).”E subitamente, apareceu com o anjo uma multidão da milícia celestial, louvando a Deus e dizendo: Gloria a Deus nas maiores alturas, e paz na terra entre os homens, a quem ele quer bem”. Se para Deus está noite, foi a razão da sua manifestada alegria em mover céu e terra, quando Ele abriu os portais eternos da gloria, e trouxe até a  terra  o seu coral de anjos para  se alegrar, e ao mesmo tempo para dizer a nós da dignidade, da divindade, da gloria do seu amado Filho que acabava de nascer entre nós.

Como nós simples mortais que somos vamos ficar indiferentes a este sobrenatural acontecimento, e não vamos esboçar alegria, contentamento, acima de tudo uma eterna gratidão pelo tão imensurável presente recebido? 
O amor de Deus é infinito é eterno, Ele nos amou antes mesmo da fundação do mundo(Efesios 1. 4)  Esse amor que ultrapassa os limites da racionalidade humana, e da nossa limitada compreensão, tanto que Ele por amor em salvar a sua criatura se fez homem, se humilhou assumindo a nossa humanidade de um corpo cheio de tantas limitações, e aqui passou fome, sede, cansaço físico, sentiu tristeza, chorou o nosso choro, morreu a nossa morte, mas ao terceiro dia rompeu as barreiras do frio sepulcro e vitorioso, vencedor, triunfante subiu em gloria ao céu e foi-nos preparar lugar para que onde Ele estiver estejamos nós também.
Há!....que gloria tremenda, pode sentir um crente que pela fé pode ver o invisível glorioso de Deus, sentir aquela paz que refrigera a alma e aquieta a ansiedade do coração, trazendo a clara visão da graça maravilhosa do amor de Deus.

O apostolo Paulo diz: “(Tessalonisenses 5. 16) "Regozijai-vos, regozijai-vos sempre, isto é, tenha alegria em cima de alegria, encha teu coração de gozo porque nós fomos um dia alcançados, buscados, trazidos pela graça de Cristo Jesus o nosso Senhor.. É por isso que nesta noite, nós temos que estar felizes, porque um dia Jesus nasceu em Belém, mas Ele nasceu também em nossos corações enchendo-nos desta bendita e gloriosa esperança  de vitória que já é nossa a qual, Ele comprando-nos pagou no suplicio do maldito Calvário, o maior de todos os preços dando a sua vida em sacrifício para que fôssemos salvos.

Por tudo isso é que Jesus é a nossa alegria, o seu nascimento o maior de todos os presentes que um ser humano pode ganhar em sua vida, e por isso não tem como não dizer: Obrigado Senhor Jesus!......louvado e glorificado seja o teu Santo nome para sempre! Pela nossa maior conquista de uma eterna e tão gloriosa  salvação. Amém!!!
Eneas Lara

O NATAL DE JESUS !!!

domingo, 9 de dezembro de 2012

 O DIA DA BÍBLIA

Texto Básico: (I Pedro 1. 24) Seca-se a erva, e cai a sua flor; a palavra do Senhor, porém, permanece eternamente.
 É na mensagem deste livro que reside a nossa perseverança e a segurança de nossa caminhada da fé. O termo usado – palavra – significa o registro, o livro, a voz impressa, a promessa amorosa, irrefutável, inquestionável por Deus feita .
 Que história grandiosa, imensurável é a desse livro!. Sobre ele tem passado o fogo, a água e o sangue!
 Nenhum outro livro jamais foi tão odiado pelos homens perversos e, tratado de modo tão irreverente e abusivo pelos homens chamados de “fiéis”. Ele foi perseguido, proscrito, interditado, excomungado, queimado pelos homens oriundos da era diabólica que, com todo o empenho tentaram destruí-lo; todavia, ele continua sua marcha com toda firmeza. No passar dos tempos surgiram opositores contra ele de várias formas; alguns se gloriando de novas descobertas, ou de encontrar nele alguma falha fatal que viesse comprometê-lo, e desacreditá-lo.

Todavia, os críticos e inimigos passam, suas asseverações dogmáticas são desmascaradas, e, assim, o grande e antigo livro adquire força cada vez mais crescente. Com grande tristeza se pode ver hoje, quanto abuso tem ele sofrido dos seus supostos amigos e seguidores! Tem sido mal traduzido, distorcido, incompreendido, e erroneamente ensinado. Tem sido adorado como um ídolo e consultado como um oráculo supersticioso. Sua mensagem tem sido torcida, adulterada para provar quase tudo em conformidade com escusos interesses pessoais. Foi usado como justificativa em favor da escravatura, da poligamia, da terrível inquisição, da queima das chamadas bruxas, do poder opressivo e dominante e, conseqüentemente das justificadas depravações em todos os tempos. Não obstante, a despeito de tão ferrenha e obstinada oposição, a Bíblia permanece triunfante, vitoriosa em poder, majestade, gloria porque ela não simplesmente contem a palavra de Deus, mas ele é a palavra de Deus.

 O Senhor Jesus falando dela disse: “Examinai as Escrituras, porque julgais ter nelas, a vida eterna, e são elas mesmas que testificam de mim(João 5. 39). E ainda (João 5. 24)” Disse: “Em verdade, em verdade vos digo: quem ouve a minha PALAVRA e crê naquele que me enviou tem a vida eterna, não entra em juízo, mas passou da morte para a vida”.

 Por tudo isso, é inegável ser a Bíblia o vivo e grande milagre de Deus, que por sua misericórdia e graça nos permitiu tê-la, e dela recebermos ensinamento, admoestação, fé, alimento nutritivo para nossas almas, e a consoladora esperança da nossa eterna salvação. Com sincera gratidão louvamos ao nosso Deus, por este presente grandioso, esta dádiva de imensurável amor; a BIBLIA SAGRADA.
 Que a Ele seja a honra, o domínio, a gloria, poder, majestade para todo o sempre Aleluia..........!

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

O TERRÍVEL JULGAMENTO DO APOCALIPSE LHE DÁ MEDO...?

Certa mulher estava internada em um hospital e um evangelista que a conhecia foi visitá-la e, lhe perguntou se podia ler uma porção da Bíblia. Então, ela consentiu com uma ressalva: O senhor poder ler, mas desde que não seja o (Apocalipse), esse livro me dá muito medo.

Na verdade, o livro de Apocalipse e as suas revelações quanto ao final dos acontecimentos é algo estarrecedor. Entretanto, a nós que temos o nosso nome escrito no livro da vida,(Apocalipse 21. 27) e nossas roupas lavadas no sangue do cordeiro, não sofreremos nenhuma dessas aflições, mesmo porque seremos arrebatados antes. O livro do Apocalipse para nós não deve ser um livro de uma sofrível e temerosa leitura, mas sim, de um momento que para nós os salvos será de uma grande emoção por uma gloriosa premiação que receberemos das mãos do supremo juiz naquele dia.
 Este com certeza será um terrível dia de eterna dor para os que se perderem. Mas, para aqueles que estão com Cristo Jesus os quais pela fé, segundo a graça foram lavados, purificados, branqueados no sangue do cordeiro, no dia que receberam o Senhor Jesus como; SENHOR E SALVADOR de suas almas. Nesse dia então, receberá a honrosa e divina condecoração de um galardão (Status de gloria) provindo segundo a retribuição das nossas boas obras na seara de Cristo Jesus.(Apocalipse 22. 12)Disse Jesus:” Comigo está o galardão que tenho para retribuir a cada um segundo as suas obras”. Isso não é maravilhoso?
 Entretanto, nós conhecendo tão grande e eterna aflição que terá o perdido pecador, e sabermos do mandamento do Senhor Jesus que disse: “ame o teu próximo como a ti mesmo” e se ignorarmos o destino da sua vida não falando a ele da tão grande e graciosa Salvação que há em Cristo Jesus, estaremos negando a própria fé. “Aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê. Ora, temos, da parte dele, este mandamento; que aquele que ama a Deus ame também a seu irmão”(I João 4. 20-21).
 Qual é pois a maior expressão de amor que poderemos demonstrar ao nosso próximo? Senão falarmos a ele do grande perigo que está correndo vivendo a sua vida longe de Cristo Jesus o único Salvador. Disse Jesus: “Eu sou o caminho a verdade e a vida e ninguém vem ao Pai senão por mim”(João 14. 6)
Como você tem amado o seu irmão....? já amou alguém hoje falando da salvação que somente em Jesus se pode encontrar? Saiba que naquele dia o seu galardão dependerá disso, porque essa foi a imperiosa missão que recebeste de Jesus no dia que o recebeu como Senhor e Salvador de sua vida. E a ordem foi: IDE..................!
Pense nisso...! E que Deus te abençoe, em nome de Jesus!!!!!!!!!
Eneas Lara Lara

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

sábado, 1 de dezembro de 2012

O PECADO QUE MACULOU TODA A CRIAÇÃO DE DEUS!!!

Porque sabemos que toda a criação a um só tempo, geme e suporta angústias até agora”(Rom. 8.22)
 A gravidade do pecado do homem foi tão devastadora, que não só trouxe maldição sobre si, mas a toda sua posteridade, como também, afetou a própria terra.(Gen. 3. 17-18)."Maldita é a terra por tua causa; em fadigas obterás dela o, sustento durante os dias de tua vida”. Por outro lado, se Deus a tornou maldita, Ele também prometeu uma restauração. “E que, havendo feito a paz pelo sangue da sua cruz, por meio dele, reconciliasse consigo mesmo todas as cousas, quer sobre a terra, quer nos céus”. (Colossenses. 1. 20)
O apostolo Paulo diz que Cristo reconciliará consigo todas as coisas no céu, na terra e debaixo da terra. É justamente o que a graça de Deus através de Cristo Jesus nos fez. Nós estávamos debaixo de maldição, assim como toda a terra, mas Cristo se fez maldição em nosso lugar, para nos tornarmos purificados, justificados e santos, pelo altíssimo preço do seu vertido sangue naquela infamante Cruz do calvário. Contudo, enquanto aqui vivermos temos que enfrentarmos as conseqüências dessa natureza que está vivendo debaixo do cativeiro da corrupção, isto é, na escravidão do pecado.  Ela sofre as conseqüências dramáticas segundo a descrição de Paulo em (Rom. 8. 22)Porque sabemos que toda a criação a um só tempo, geme e suporta angustias até agora”. (Em outras palavras, a natureza está subjugada pela ação do pecado, e por isso é que as plantações hoje não produzem os melhores frutos, porque a grande quantidade de pragas atacam as sementes até antes mesmo de germinarem. E, então para se conseguir alguma produção os agricultores tem que usarem grandes quantidades de (Agrotóxicos) veneno estes, que contaminam os alimentos principalmente: hortaliças, legumes, e frutos. E nós consumidores destes produtos somos lentamente envenenados a cada dia. Isso tem sido a conseqüência da maldição de Deus.(Gênesis 3. 17-18). “Maldita é a terra por tua causa; em fadiga obterás dela o sustento durante os dias da tua vida

A despeito dessa tremenda tragédia, Deus tem uma preocupação e um plano para restaurar a natureza. Devemos estarmos cuidando dela com todo o amor, assim como o Criador desejava que o homem fizesse desde o principio. Entretanto, na verdade esta natureza só será redimida no dia da vinda de Jesus Cristo, a qual temos a promessa de novos céus e nova terra. Este contaminado mundo passará pela purificação do fogo. (2 Pedro 3. 7-13) até que em chamas ardente seja destruída. O Senhor Jesus com grande ênfase nos alertou através de ensinamentos e parábolas para que estejamos vigilantes, preparados para que este dia não nos pegue de surpresa. Porque Ele virá assim, como um ladrão a noite quando ninguém estiver esperando.
Ultimamente muitos falsos profetas tem surgido por ai anunciando o fim do mundo, mas nós temos que crer naquele que vai voltar Jesus Cristo, e Ele disse: “Mas a respeito daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão o Pai”(Mateus 24. 36) . Daí, advertência; estejais vigilantes porque não sabeis a hora e nem o dia.
Você está preparado para encontrá-LO hoje? Porém, caso não seja a volta dEle, mas a sua ida, tem certeza da sua salvação? Pense nisso; E que Deus te abençoe grandemente amigo e irmão leitor desta mensagem!!!!!!!
Enéas Lara Lara

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Disse Jesus:Vós sois a luz do mundo”

"São os olhos a lâmpada do corpo. Se teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso: se, porém, os teus olhos forem maus, todo o teu corpo estará em trevas. Portanto, caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão!  (Mateus 6. 22/23).

Os olhos são instrumentos, por meio dos quais o corpo, ou antes, a mente desenvolve notáveis atividades. Quando usados para a pratica do pecado eles desenvolvem atividades sobremaneira malignas. É o que diz o décimo mandamento: “Não cobiçarás”! Disse Jesus: “Qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, no seu coração, já adulterou com ele. (Mateus 5. 28).  Compreendemos que a santificação dos olhos, ou do nosso olhar, seja o domínio sobre o pecado que demanda de nós mais a fé e consagração que qualquer outra forma de auto-domínio. Jesus prometeu que a nossa permanência na Sua palavra nos tornaria em Seus verdadeiros discípulos e o conhecimento da Sua verdade nos libertaria (João 8. 31/36).
 A nossa vitória sobre o pecado da cobiça é absolutamente certa e segura, é a vitória da cruz sobre qualquer forma de pecaminosidade remanescente. Essa luz, que envolve o nosso corpo, libertando-o de toda e qualquer forma pecaminosa é a luz da gloria de Cristo. Podemos dominarmo-nos, em tudo, pelo poder de Cristo que está em nós. A luz de Deus nos livrará de todo o pecado. Ora, a mensagem que, da parte dEle, temos ouvido e vos anunciamos é esta: que Deus é luz e não há nEle treva alguma. Se dissermos que mantemos comunhão com Ele e andarmos nas trevas, mentimos e não praticamos a verdade. Se, porém, andarmos na luz, como Ele está na luz, mantemos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Seu Filho, nos purifica de todo o pecado (1João 1. 5/6).

O teste que prova que estamos vivendo envolvidos pela luz de Deus é a predominante existência do amor fraternal, do salvo para com os salvos. A nossa comunhão com a luz de Deus somente prova a sua existência real com a presença invencível do amor, no coração do crente, por todos os seus irmãos, que constituem a Igreja. Os termos categóricos da Escritura não permitem ressalvas nem exceções. Você pode auto-testar-se. Volte o seu olhar intimo para o seu coração e pergunte: “Existe alguém na igreja que eu não amo?” Se sim, este indicio negativo é prova horrível a seu respeito. Ajoelhe-se, de agora em diante, todos os dias, e clame por misericórdia divina suplicando ajuda e perdão confessando a sua falha intima e dispondo o seu coração à graça divina para que o amor de Cristo seja nele derramado. Leia os textos de: (Romanos 5. 5; João 13. 34/35).

A Bíblia não pode falhar ou mentir. “Todo aquele que odeia a seu irmão é assassino; ora. Vós sabeis que todo assassino não tem vida eterna permanente em si. (1João 3. 15). Somente o poder de Deus que é luz nos livrará das nossas fraquezas. Disse Jesus: “Eu sou a luz do mundo, quem me segue não andará nas trevas; pelo contrario, terá a luz da vida”. (João 8. 12) Disse também Jesus: “Vós sois a luz do mundo......Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que esta nos céus”.(Mateus 5. 14/16).
 Cristo veio da gloria celeste, portanto a Sua luz que é o Seu Evangelho, Iluminou os primeiros discípulos com sua Palavra, salvando-os com sua Cruz. Daí em diante, o salvo é portador da Palavra que salva, o Evangelho, que é a luz de Cristo. Você tem consciência de que essa luz com que iluminou é para iluminar todos os recantos desse mundo? Cristo salvou você e o fez portador dessa luz. Você tem sido fiel a Ele evangelizando o mundo?
 Que o Senhor te abençoe, em nome de Jesus!!!!!!!!

sábado, 24 de novembro de 2012

O SOFRÍVEL RESGATE, POR UM ALTÍSSIMO PREÇO!!!

Disse Jesus: “ Porque eles não são do mundo”. (João 15. 19)
O Senhor Jesus num momento tão difícil da sua vida, quando vislumbrava o horror da Cruz, quando por nos amar assumia o nosso lugar, as nossas culpas e pecados morrendo substitutivamente a nossa morte. A despeito de tanta tristeza, Ele teve um ato de grande amor, ao fazer esta intercessão junto ao Pai celeste, nesta graciosa oração(João 17.1.26)  Aqui, Ele descreve uma síntese de toda a sua gloriosa missão terrena. (A compra sofrível de alto preço, do resgate do perdido pecador).

 Eu quero apenas focalizar hoje a parte final do (Ver 14) quando Jesus disse: “porque eles não são do mundo, como também eu não sou”. Preste atenção aqui para a revelação gloriosa que Jesus faz? Quando Ele referindo-se a (Eles) quer dizer: a seus seguidores, como a nós também hoje que somos seus discípulos. (Porque todos nós que fomos alcançados por sua graça, tocados pelo agir do Santo Espírito deixamos o mundo e sua gloria, seus prazeres, renunciamos a nós mesmos, nascemos de novo, somos novas criaturas e tudo isso porque trazíamos a marca da eleição ocorrida antes da fundação do mundo.(Efésios 1. 4) .
 Fomos despertados e passamos a amar e confiar no seu grande amor manifestado por nós, pelo fato de sua espontânea humilhação, e ter temporariamente deixado a sua gloria, e vindo a esse mundo, nascido numa indigna estrebaria na cidade de Belém, ter submetido a uma vida cheia de dificuldade, de escassez, passou fome, sede, sentiu canseira, tristeza, enfado, dor e acima de tudo foi incompreendido, desprezado, humilhado, perseguido e por fim; preso açoitado, cuspido, escarnecido e crucificado.

Tudo isso, para dizer-nos que Ele não era daqui, que aqui não era seu reino, seu lugar, mas que viera fazer o resgate de algo que lhe pertencia por doação divina. Ou seja; aqueles que o Pai lhe deu (Ver. 6)" Manifestei o teu nome aos homens que me deste do mundo." Aqui Jesus deixa claro a exclusividade seletiva de um número de escolhidos, eleitos, separados que foram escolhidos antes mesmos da fundação do mundo. É justamente o que Jesus confirma a seguir. ERAM TEUS, ( veja que Ele conjuga o verbo no passado) isto dizia Jesus: porque agora TÚ ME DESTE, tu mos confiaste, e eles têm guardado a tua palavra
E por isso que na sua gloriosa e graciosa intercessão Ele disse:; que nós também não pertencemos a este mundo, mas juntamente com Ele pertencemos ao reino dos céus. Quando nós temos a consciência desta gloriosa segurança que não está em nós, mas sim nele, então é razão de grande jubilo, de adoração, gratidão, por saber já antecipadamente da nossa grande vitória que Cristo Jesus nos doou através da sua obra redentora na cruz infamante do calvário.
Que gloriosa revelação está nessas palavras de Jesus quando disse: “ELES NÃO SÃO DAQUI, COMO TAMBÉM EU NÃO SOU” isso, faz regozijar nossa alma de grande júbilo e alegria por sabermos que nEle, e tão somente nEle, somos os mais bem-aventurados de todos os homens da terra. E as suas palavras confirmam essa dotação: “( Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos Filhos de Deus, a saber, aos que crêem no seu nome” (João 1. 12).

 Se você meu amado leitor desta mensagem que ainda não entregou a sua vida a Jesus e, quer fazer parte também desta galeria gloriosa dos redimidos por Cristo Jesus, ainda há tempo, mas não demore muito, pois amanhã pode ser muito tarde.
Que a graça de Cristo Jesus o nosso tão amado Salvador, esteja contigo. Amém!!!!!!!
 Enéas Lara Lara

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

A NOSSA ETERNA E GLORIOSA MORADA!!!

Louvor.
 Eu não sou daqui, tenho que voltar...(3 vezes)
pra morar com Cristo, no celeste Lar.

Lá terei morada, cujo construtor
 È Jesus meu mestre, Cristo meu Senhor!
 Tem ruas de ouro, praça e jardim....
Tudo fez meu Mestre por amor a mim.

Lá não tem tristeza, nem morte e dor...
 Lágrimas estancadas pelo Deus de amor,
Tem rio que corre cortando a cidade!
Nascedouro Santo do Trono de Deus.

 Dia glorioso de grande aventura,
Transposto o limite da humanidade!
 Recebido em gloria por Jesus na altura,
Viverei pra sempre na Santa cidade.

 Eu não sou daqui, tenho que voltar...(3 v.)
 Pra morar com Cristo no Celeste Lar.

 Enéas Lara Lara

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

O PROCESSO DA SALVAÇÃO DO HOMEM PECADOR!!!

 Vejamos como ocorre:

Primeiro: Isso só é possível através da ação da divina Trindade Santa: O PAI, O FILHO, E O ESPÌRITO SANTO.   A primeira iniciativa começou no coração de DEUS O PAI. (Gênesis 3. 15) “Da semente da mulher virá um que esmagará a cabeça da serpente”. A imensurável doação de amor, ao oferecer como sacrifício substitutivo a vida do Seu unigênito Filho JESUS, como preço unicamente capaz de pagar, restaurar, justificar, o pecador perdido. E isso ocorreu quando o mundo nem havia ainda sido criado.”Mas pelo precioso sangue, como de cordeiro sem defeito e sem mácula, o sangue de Cristo, conhecido, com efeito, antes da fundação do mundo, porém manifestado no fim dos tempos, por amor de vós”(I Pedro 1. 20) E ainda em .( Efésios 1. 4)Assim como nos escolheu, nele, antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis perante ele; e em amor nos predestinou para ele”.

 A AÇÃO DO DEUS PAI. É ele que por sua divina soberania escolhe quem quer salvar. Disse Deus: “Terei misericórdia de quem me aprouver ter misericórdia e compadecer-me-ei de quem me aprouver ter compaixão.”Assim não depende de quem quer ou de quem corre, mas de usar Deus a sua misericórdia”(Rom. 9. 15-16) E feito isso, Ele pega o pecador perdido e traz como um presente querido para seu FILHO JESUS, salvar. “Ninguém pode vir a mim se o PAI, que me enviou, NÃO O TROUXER”.(João 6. 44).
Segundo: O FILHO ao receber o nome do pecador amorosamente eleito e escolhido e trazido pelo PAI, lava-o no seu Sangue que propiciatóriamente foi derramado naquela infamante cruz do calvário, tornando-o purificado, justificado, santificado, alvo mais que a neve. “O sangue de Jesus, Seu FILHO, nos purifica de todos os pecados”(I João 1. 7).

Terceiro: Entretanto, para que tudo isso ocorra, é preciso uma conexão entre o DEUS SANTO, e o perdido pecador. Então ai, entra o trabalhar glorioso e gracioso do ESPÍRITO SANTO, que vem ao nosso encontro e nos convence do pecado “Quando ele vier convencerá o mundo do pecado”,(João 15. 8), abrindo os nossos olhos para que possamos ver as riquezas maravilhosas da graça de DEUS, acima de tudo nos convencendo da nossa indignidade de nossos pecados e da carência que temos de Deus.
O Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis”(Rom. 8. 26).

Quando o perdido pecador tem essa consciência, então uma indescritível alegria invade seu coração, sobretudo pela intercessão graciosa do nosso tão amado Salvador, que passo aqui registrar. 
“Tendo Jesus falado estas cousas, levantou os olhos ao céu e disse: Pai, é chegada a hora; glorifica a teu Filho, para que o Filho te glorifique a ti, assim como lhe conferiste autoridade sobre toda a carne, a fim de que ele conceda a vida eterna a todos os que lhe deste. E a vida eterna é esta; que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste. Eu te glorifiquei na terra, consumando a obra que me confiaste para fazer; e, agora, glorifica-me, ó Pai, contigo mesmo, com a gloria que eu tive junto de ti, antes que houvesse mundo. Manifestei o teu nome aos homens que me deste do mundo. Eram teus, tu mos confiaste, e eles têm guardado a tua palavra. Agora, eles reconhecem que todas as cousas que me tens dado provêm de ti; porque eu lhes tenho transmitido as palavras que me deste, e eles as receberam, e verdadeiramente conheceram que saí de ti, e creram que tu me enviaste. É POR ELES QUE EU ROGO; NÂO ROGO PELO MUNDO, MAS POR AQUELES QUE ME DESTE, PORQUE SÃO TEUS”.  Oração intercessora de CRISTO JESUS aos seus discípulos (João 17. 1 ao 9).

Dessa forma, fica muito claro que a Salvação é seletiva, exclusiva, restrita para os eleitos de Deus, a qual ocorreu antes da fundação do mundo. Se você está incluído nessa galeria gloriosa, então, é o mais feliz de todos os homens. Aleluia......!, glorificado seja o teu Santo Nome Senhor, por esta revelação tão grandiosa que nos alcançou um dia, unicamente porque Tu nos amaste primeiro antes da fundação do mundo. Receba o nosso amor e a nossa eterna gratidão por Cristo Jesus nosso Salvador. Amém!!!!!!!!
Eneas Lara Lara

domingo, 18 de novembro de 2012

A ARVORE JUNTO A CORRENTES DE ÁGUAS!!!

Texto Básico: (Salmo 1. 3)"Ele é como arvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha”

 Com a evolução da técnica de produção rural de alimentos, hoje se torna normal o uso de irrigação natural através de desvios de rios, canalizações e até o uso de bombas Hidráulicas para bombeamento de águas, possibilitando assim a irrigação de uma grande área de plantações. Quando o Salmista escreveu este (Salmo 1) ele via as frondosas arvores as margens dos rios, que a despeito de grandes estiagens permaneciam de folhas verdes, viçosas sem serem molestadas pela sequidão circundante. Essa expressão, com a situação que sugere, ilustra de modo belo a vida do homem cheio do Espírito Santo. “Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva” (João 7. 38).

Graças à Deus que em Cristo Jesus somos plantados junto dos rios do Espírito, e assim ficaremos para sempre, e até mesmo além desta vida terrena. “O Cordeiro que se encontra no meio do trono os apascentará e os guiará para as fontes de águas da vida”(Ap.7. 17) Ali, seremos supridos do Espírito Santo, e glorias espirituais teremos muito além daquilo que nós podemos imaginar. O homem dirigido pelo Espírito Santo tem uma vida muito mais profunda e gloriosa do que aquilo que a mente humana pode compreender. (I Cor. 2. 14-15) e além do alcance e da manipulação dos ímpios, que nada pode fazer para destruí-lo. (Col. 3. 3) Porque somos como arvores cujas raízes profundas se alimentam da força poderosa do espírito Santo que em nós Habita. “E que no tempo oportuno dá o seu fruto”(Gl.5.23- 32).
O Homem espiritual é dirigido por virtudes especificas em cada situação:
 Em tempos de lutas e aflições, sabe demonstrar paciência; em tempos de vivência espiritual, revela zelo; em tempos de fraqueza e tentação, exerce domínio próprio. Em tempo de escassez é sustentado pela fé; e assim vive as varias experiências da vida fazendo exteriorizar na superfície a riqueza do seu caráter espiritual, que possui na sua essência.

 Essa foi a experiência do apostolo Paulo que disse:”Aprendi a viver contente em toda e qualquer situação” (Fp. 4. 11).
O homem que vive segundo o Espírito sempre será como as frondosas arvores que demonstram vida, vitalidade e de folhas verdes, ainda que viva em meio das lutas, tribulações e vicissitudes, sempre estará demonstrando tranqüilidade, força, vigor, esperança, porque continuadamente é nutrido da mais gloriosa essência da água da vida, que procede das misericórdias graciosas de Deus.
 Que a graça de Cristo Jesus o SENHOR, esteja com você meu irmão e amigo, hoje e sempre. Amém!!!!!!!!!

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

OS SINAIS DA VOLTA DE JESUS!!!

Disse Jesus: "Levantar-se-ão muitos falsos profetas e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos. Aquele, porém, que perseverar até o fim, esse será salvo. E será pregado este evangelho do reino por todo o mundo, para testemunho a todas as nações. ENTÃO, VIRÁ O FIM. (Mateus 24. 11-14)

Nós costumamos criar grandes expectativas para certas coisas da nossa vida: uma resposta de emprego, um jogo de futebol, uma reunião, um encontro etc. Porém, ao olharmos nosso mundo, parece que o povo vive sem muita expectativa quanto à volta de Cristo. As pessoas vivem e se comportam ignorando esse fato. Não percebem que os sinais que antecedem a sua volta já começaram a ocorrer. Na verdade, pouquíssimos estão atentos a estes sinais. A Bíblia fala em “sinais dos tempos” o qual aparece uma só vez na Bíblia e não tem o uso que costumam dar a ela: “Sabeis, na verdade, discernir o aspecto do céu, e não podeis discernir os sinais dos tempos?”(Mateus 16. 3) Ela não se refere especificamente à segunda vinda de Cristo, mas sim, à primeira vinda.
 Jesus está dizendo que os Judeus deveriam perceber pelos sinais e milagres de Jesus, que ele era de fato o Messias prometido que estava por vir. Esses sinais também apontavam para o futuro, já que Cristo seria o grande vitorioso e julgaria todos os que não conhecessem como o filho de Deus. Isso quer dizer que os sinais dos tempos já podiam ser notados desde a época de Cristo.

Vamos falar hoje apenas de um dos sinais: “A FRIEZA DO AMOR” Esse é um dos sinais mais visíveis que acontecem em nossa sociedade hoje. (Mateus 24. 10-12) o qual tem afetado a vida de todos nós que moramos em uma  grande metrópole como São Paulo. Daí provém muitos males; roubos, seqüestros, crimes hediondos, assassinatos em larga escala, é corrupção, lares destruídos, filhos órfãos de pais vivos,......... etc. A falta de amor, a indiferença, o individualismo que tem matado as pessoas e ferido o coração de Deus.
 Com grande tristeza temos visto esse sinal dos tempos acontecer. Se não bastasse isso, temos com grande expectativa a confirmação dos “sinais dos tempos” também no meio que se diz Cristão. Quando historicamente lembramos da grande reforma protestante do (século 16), onde homens inflamados pela verdade Santa do evangelho de Cristo Jesus, revolucionaram o mundo, ainda que com o sacrifício da vida de muitos, o evangelho chegou até nós. Entretanto hoje, estes mesmos lugares onde foi o berço da nascente reforma, hoje, igrejas estão fechando as portas por falta de membros.

Disse Jesus: “E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor se esfriará de quase todos”(Mateus 24. 12) Veja a artimanha sutil do diabo, ele usa de uma aparência de santidade para enganar. É impressionante hoje o surgimento das seitas as quais com ensinamentos Bíblicos distorcidos da verdade por “pastores” que pregam um outro evangelho e que se auto promovem para ludibriar a fé dos incautos, fazendo promessas mirabolantes e com isso, tem arrebanhado multidões. Mas, nem tudo está perdido, disse Jesus:” As portas do inferno não prevalecerão contra a sua igreja”(Mateus 16.18) .
O evangelho santo e puro de Cristo Jesus, está sendo pregado pelos quatro cantos da terra, através de homens e mulheres que chegam a arriscar a própria vida, não intimidando diante das perseguições, e dificuldade que todos os dias aparecem. Nós não sabemos o dia que será a volta de Jesus, mas os sinais nestes últimos dias nos dão evidência que Ele está voltando.
O apostolo Paulo nos adverte para este dia, o qual será glorioso para todos os que aguardam ansiosos a sua volta, revestindo-se de Cristo Jesus e guardando-se incontaminado com as concupiscências deste mundo mergulhado no maligno. (Romanos 13. 11 a 14).

Que possamos ouvir a advertência do Senhor Jesus: “Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora”.(Mateus 25. 13)
Que Deus te abençoe em nome de Jesus!!!!!!!!
Eneas Lara Lara

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

O OURO DE TOLO!!!

“Pois que aproveitará o homem se ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma”? (Mateus.16. 26)

Estamos vivendo num momento que urgentemente precisamos retomar, resgatar, a vida de santidade da igreja. Hoje, a santificação da vida em muitos ministérios não é mais o termômetro para medir a vida espiritual de um crente, mas sim, a prosperidade, e as conquistas humanas. (O que vale é o ter, e não o ser). Acorda povo de Deus!.....Ouça a séria advertência que Jesus fez para igreja de Laodicéia.  Assim como Ele deu aquela igreja a oportunidade de recomeço dizendo: “Aconselho-te que de mim compres ouro refinado pelo fogo para te enriqueceres, vestiduras brancas para te vestires, a fim que não seja manifesta a vergonha da tua nudez, e colírio para ungires os olhos, a fim de que vejas. Eu repreendo e disciplino a quantos amo. Sê, pois, zeloso e arrepende-te” (Apocalipse. 3. 19-19).

Infelizmente muitos falsos pregadores hoje estão com vergonha do evangelho de Jesus, já não pregam mais sobre pecado, inferno, arrependimento, nascer de novo, o renunciar-se a si mesmo, porque essa mensagem de Jesus agride frontalmente a condição em que vive o pecador. Ter vergonha do evangelho, escondendo a sua verdade é uma atitude; insensível, covarde, que Jesus condena. “Porque qualquer que, nesta geração adultera e pecadora, se envergonhar de mim e das minhas palavras, também o Filho do homem se envergonhará dele, quando vier na gloria de seu Pai com os santos anjos”(Marcos 8. 38).
No século 16 e 17 nos Estados Unidos, aconteceu a corrida do ouro. Milhares de pessoas se aventuravam nas minas de mineração com o objetivo de se enriquecerem rapidamente. Nessa procura, acabaram muitas vezes se iludindo e enganados pelo "ouro de tolo", um mineral com aparência de ouro, mas sem nenhum valor. O que Jesus disse a igreja de Laodicéia era que eles estavam atrás de um material que não lhes trazia em nenhum momento a real  felicidade. Eles se orgulhavam do ter, e não sabiam que eram infelizes, miseráveis, pobres, cegos, e nus (V.17).  A riqueza e a prosperidade podem tirar o crente do caminho do Senhor (Mateus 6. 19- 21-24). Foi exatamente o que aconteceu com aquele moço rico, o qual tinha interesse em ganhar a vida eterna, e fazia até o impossível como guardar toda a lei, mas quando confrontado entre a salvação e a sua riqueza, preferiu ficar com a sua riqueza. (Lucas 18. 18-30)

Só podemos encontrar em Jesus o verdadeiro tesouro (v. 18) O ouro refinado pelo fogo é a verdadeira riqueza celestial, sem mancha de pecado e sem ambição humana. A vestidura branca é a pureza e a santidade que o cristão deve apresentar a Deus. Isso só é possível diante de um arrependimento sincero. Sempre há uma oportunidade de retornar ao Pai, como na parábola do Filho pródigo (Lucas 15. 11-32).  Em nenhum momento, o desejo por coisas materiais pode ser maior que a vontade de buscar o Criador. Nossa ambição deve estar submetida e na prática da vontade de Deus, e a partir daí, receber a recompensa de uma vida fiel a serviço de Cristo Jesus.

O que nos faz aproximarmos de Deus? Seria a abundância, riqueza, poder, vida tranqüila? Ou será o sofrimento, lutas, dificuldades, e Dores? A verdade é, que nada nos convence mais, do que quando em nós há sofrimento e dor. A nossa vida espiritual não pode depender das circunstâncias, nem do nosso estado de espírito. Não podemos levar uma vida “Morna” com Deus, pois a conseqüência será terrível, o de ser “Vomitado de Sua boca”, ou seja; expulso de sua presença.
Não existe coisa pior que isso. Pense seriamente nessa palavra meu irmão, em nome de Jesus!!!!!!
Enéas Lara Lara

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

A SALVAÇÃO É DE GRAÇA...mas,.... a conseqüência NÃO!!!

Disse Jesus: “Aquele que quiser vir após mim, a si mesmo se negue, dia a dia tome a sua cruz e siga-me. Pois quem quiser salvar a sua vida perdê-la-á; quem perder a vida por minha causa, esse a salvará” (Lucas 9. 23-24)
Este condicional estabelecido por Jesus quando somente lemos com olhos humanos, parece-nos uma mensagem duríssima, antipática e até impraticável. Porque a sua determinação exige uma renuncia total, entre a vida humana corrompida e pecadora e, a vida Espiritual.
 O pecado cometido no Éden foi algo brutal, desastroso, tanto que só poderia haver restauração (perdão da cometida ofensa) pelo sacrifício da vida de um justo, (Jesus Cristo)que no derramar do seu sangue em propiciação pelos pecados do penitente pecador, salva sua alma da condenação eterna.

Diante do pecado de nossos primeiros pais, toda a raça humana foi maculada, tornando-se assim em perdidos pecadores. (Rom. 5. 12) O amor sobremaneira imensurável de Deus o Pai, para com sua criatura, o fez diante da sua (Justa Justiça) se prontificar a pagar o preço do resgate, entregando a vida de Cristo Jesus seu Filho em sacrifício único aceitável para remissão dos pecados de todos os homens que nele crer. (João 1. 7)O sangue de Jesus, seu Filho nos purifica de todo o pecado”. Agora quando o perdido pecador é alcançado pela graça, ele é lavado, restaurado, justificado e pela obra sacrossanta do calvário, ele pela injetada fé em seu coração através do trabalhar do Espírito Santo, então, se torna limpo, justo e santo.
Contudo, terá que conviver num mundo de homens perversos, violentos, corruptos, injustos que contrastam com a vida de uma nova criatura que deixou de viver na carne, para viver no Espírito. Isso, causa no coração do crente uma grande tristeza e aborrecimento. Disse Jesus:Se vós fosseis do mundo, o mundo amaria o que era seu; como, todavia, não sois do mundo, pelo contrario, dele vos escolhi, por isso, o mundo vos odeia”( João 15. 19).

 Além de tudo, vivemos com esta vestimenta carnal, maculada, corrompida e tendenciosa para as coisas da carne. “Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito contra a carne, porque são opostos entre si; para que não façais o que, porventura seja do vosso querer”( Gálatas 5. 17). Temos que dominá-la mantendo-a sobre constante vigilância, usando para isso as armas do Espírito. (Efésios 6. 10-18)Revesti-vos de toda a armadura de Deus para poderdes ficar firmes contra as ciladas do diabo”.
Essa é a conseqüência que implica em alto preço humano de uma renuncia total, do negar-se a si mesmo, do nascer de novo, do fazer morrer a nossa carnalidade nos feitos e nos desejos de nossos instintos carnais, para uma vida voltada para santificação. Porque; coração, olhos, pensamentos uma vez sendo iluminados pelo Espírito Santo, muito embora não nos isente das tentações, temos da parte de Cristo Jesus o poder consolador de já sermos mais que vencedores.
 Por  isso, não importa o tamanho do preço que temporariamente tenhamos que pagar, nós já temos a vitória imensurável da gloria eterna. Aleluia!!!!!!!!!

Que Deus te abençoe em nome de Jesus.
 Enéas Lara Lara

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Disse Jesus:"VÒS SEREIS MINHAS TESTEMUNHAS"!!!

“Antes santificai a Cristo, como Senhor, em vosso coração, estando sempre preparados, para responder a todo aquele que vos pedir razão da esperança que há em ti”(I Pedro 3. 15).

Uma das coisas piores que existe na vida, é quando somos pegos de surpresa, sem estarmos preparados. Pode ser uma viagem repentina, uma necessidade financeira urgente, uma reunião inesperada, um relatório não concluído, uma enfermidade, ou pode ser algo a respeito da nossa fé que professamos.
Recentemente, houve um debate na TV sobre temas Bíblicos e fiquei muito triste ao ver que, aparentemente, o único representante da verdade que ali estava , não demonstrava estar preparado, porque ao ser indagado em certos assuntos, não sabia responder. A Bíblia tem respostas para todas as perguntas referentes à nossa vida com Deus. É certo que a Bíblia não foi escrita para ensinar regras de ciências ou história, mas ao mesmo tempo, não as violenta. Por exemplo: enquanto o mundo, seus cientistas e filósofos discutiam sobre o fato de a terra ser ou não redonda, Deus já afirmava em sua palavra a verdade: Ele é o que está assentado sobre a redondeza da terra”(Isaias 40.22).

O que precisamos é estudar mais a Bíblia, não apenas ler superficialmente, mas examiná-la.  Pois  ela contém ensinos que nos tornam mais sábios que os nossos mestres, mais entendidos que os idosos (Salmo 119. 98-100).  A verdade que nunca chegaremos a ter todas as respostas, mas uma coisa podemos fazer, estudar com dedicação a Bíblia. A melhor maneira de preparar alguém para dar razão à esperança da fé é treiná-lo na palavra.
 Certo banco, procurou treinar seus funcionários para identificar notas falsas, e o fez por vários dias manusear notas verdadeiras. Conhecendo bem as verdadeiras, reconheceriam de imediato as falsas. Quando Paulo escreveu a Timóteo, alertando-o contra falsas doutrinas, disse:”Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem do que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade” (2Tim. 2. 15).
O diabo, ao tentar Jesus no deserto. torceu a palavra de Deus; mas Jesus, como grande Mestre que é, encontrou na própria palavra de Deus as respostas necessárias para calar o inimigo e afastá-lo de si (Mateus 4.1.11). “O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar”(I Pedro 5. 8).
Portanto meu irmão, esteja preparado, pois nunca se sabe a hora em que será questionado sobre a sua fé, nem quando o inimigo irá lançar os seus dardos inflamados contra você.
Que Deus te abençoe em nome de Jesus. Amém!!!!!!
Enéas Lara Lara

Achei um Grande Amigo

terça-feira, 6 de novembro de 2012

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

A SERPENTE DE BRONZE !!!

Texto Básico: (Números 21. 5)
“E o povo falou contra Deus e contra Moisés: Por que nos fizestes subir do Egito, para que morramos neste deserto, onde não há pão e nem água? E a nossa alma tem fastio deste pão vil”

Quando nós retrospectivamente olhamos a historia do povo de Israel, e a forma com que Deus os conduziu pelo deserto por 40 anos, fazendo-os dar volta naquele lugar abrasador, isso nos leva á uma pergunta. Porque tanto tempo? O povo estava escravizado por (+ de 400 anos) no Egito.  Eles viviam como escravos, pensavam como escravos, agiam como escravos e agora eles tinham que aprender que não dependiam mais de um Rei que lhes supria do necessário alimento, mas agora, Deus seria a sua provisão, seu sustento, sua esperança, sua vitória, e que eles tinham que aprender a ter dependência exclusivamente de Deus.
 E para isso naquele lugar inóspito, seco, sem água, sem recursos, sem nenhuma forma de subsistência, eles só viveriam ali, pela misericórdia e providência do Senhor. É essa dependência que eles precisavam aprender para que entrando na terra prometida, eles fossem fiéis ao seu Deus.

 Deus conhecia muito bem o seu povo e sabia que era um povo obstinado e rebelde inconstante e que mais tarde viria abandoná-lo.   A certa altura da peregrinação o povo estava sem ânimo, cansado, e chegaram mesmo a sentir saudades da escravidão do Egito. Eles lembraram que lá eles tinham um MENU variado, era; carne, vegetais, os pepinos as cebolas os temperos etc. E ali no deserto era somente Maná que Deus mandava toda manhã. Era algo como um pão, com sabor de pão de mel. Era Maná e somente Maná. Maná de manhã, ao meio dia, Maná a tarde, a noite e no dia seguinte mais maná por 40 anos.
Então o povo se revoltou contra Deus, e o castigo veio na forma de uma serpente venenosa (Números 21. 6). E eles pedem que Moisés orasse a Deus para que essa serpente fosse retirada do meio deles. Após a oração feita, Deus apresenta uma solução para o problema. A despeito da rebelião, Deus amava o seu povo, e tinha seu coração terno de amor por eles. Nem tudo estava perdido apesar do pecado, Deus os amava, assim como nos ama a cada um de nós hoje. 
 Então, mandou que Moisés criasse uma serpente de Bronze e levantasse em um poste bem alto, e todo aquele que fosse picado pela serpente, ao olhar para a serpente de Bronze seria curado.

Com isso Deus queria ver a atitude de cada um, um gesto de fé de obediência, de submissão, e de esperança, sobretudo de fé na providencia de Deus. Isso tudo era uma forma de trazer o povo de novo para perto de Deus, fazer com que o povo confiasse na sua direção.
 Quando Eva foi seduzida, ludibriada, ferida mortalmente pela serpente (satanás) Deus por seu eterno amor veio em socorro da sua criatura, e o que o diabo não esperava, aconteceu (Gênesis 3. 15) Deus se entrega, se doa na pessoa de Jesus seu Filho unigênito, para restaurar, refazer, recriar, dignificar o manchado, maculado ser humano pelo odioso pecado cometido. Agora quando o pecador arrependido olha para a suspensa cruz do calvário, aliviado ele enxerga a cura para o veneno mortífero do pecado. E então, pode descansar confiante na segurança da gloriosa providência do amor de nosso Deus.
 (João 3. 14-15) “E do modo por que Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado, para que todo o que nele crê tenha a vida eterna”. A maior manifestação de amor de Deus ao perdido e indigno pecador, foi Ele entregar para sacrifício de justiça a vida do seu Unigênito Filho, que morrendo numa maldita Cruz derramou o seu sangue para salvação de todo aquele que nEle crer.
Que Deus te abençoe, em nome de Jesus!!!!!!!
Eneas Lara Lara
Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger